quinta-feira, abril 26

Força e Coragem de um Quebra -Gelo

Life has this funny things… Sometimes we pass for experiences that we think never more to come to repeat as like a road crossing. When, then, it happens not to take the right decisions or the one we think they’re right, opens a hole in our history as it was necessary to close this notebook and to start to write in another one… Today I think that light bridges exist to bind these lost histories in the way of our life… that the door can reopen with other places, other people… but with the seemed lost passionate strength. Difficult…Tto know if my chance is this one.

Há coisas engraçadas na vida...
Às vezes passamos por experiências que pensamos nunca mais poder vir a repetir.
De certa forma é verdade... Mas num sentido mais lato, parece que nunca teremos uma nova oportunidade de experimentar, de sentir, de viver muito do que se nos cruzou no caminho um dia e que passou em diante como num cruzamento de estrada.
Quando, então, acontece de não tomarmos as decisões acertadas (o que é isso de decisões acertadas???) ou aquela que talvez não tomaríamos, ou, ainda, a que tomaríamos hoje e não fomos capazes de o fazer na altura, parece que agrava ainda esse mistério que ficou por desvendar e conhecer. Algum tempo depois, fechamos a porta com alguma dificuldade como se algo tivesse ficado entalado ou como se, resultado dessas reticências por uma outra história, a porta tivesse ficado empenada e sem nunca mais conserto.
Parece, nessas alturas, que houve um buraco na nossa história e que era necessário arrumar esse caderno e começar a escrever noutro...
Hoje penso estar a descobrir que tudo isso não passaram de capítulos dessa minha história que são deixados em suspenso... como se algo, relacionado com eles, ainda estivesse para acontecer e que nos mantém interessados no enredo... É como se a porta não se fechasse mas deixasse entreaberta a vida para lá do tempo, interrompida por tantas outras histórias paralelas, mas unida por uma ponte de luz e de esperança a ligar o caminho de felicidade da pessoa.
Hoje, penso que a porta se pode reabrir a qualquer momento trazendo de volta essa luz e essa esperança, numa nova história, em outros lugares, com outras personagens, com uma cor e um brilho próprios do hoje, mas retomando um sentir apaixonado pela vida que acontece e se partilha.
Talvez possa existir uma nova oportunidade... Ter força e coragem para saber se é esta a minha oportunidade e a agarrar, é certamente a parte mais difícil.
Mas há coisas engraçadas na vida...
Deixamos o espírito divagar e acabamos por descobrir essas coisas engraçadas nos outros. Quando nos tocamos em pontos comuns e cedemos à tentação de voltar a senti-los nesse mesmo momento. Quando Vemos e encontramos quem, para la de uma outra colina, se satisfaz no prazer de deixar que as coisas aconteçam em si e nos outros sem que o tempo seja um controlador de voo à espera de uma oportunidade para aterrar. Quando perdemos a vontade das forças e das necessidades físicas para nos bastar o pensamento e o sonho. Quando nos perdemos a vaguear nas palavras dos outros e vemos como os outros exprimem com tanta beleza e realismo, o que por vezes, às vezes, tantas vezes, também nós sentimos >

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home